Os amigos da realidade

gvdf

É fácil viver em dia de festa. Você bebe, se diverte, encontra amigos, troca conversas despreocupadas…
Mas e quando a festa acaba? A bebedeira passa? E as pessoas vão embora?
Só resta você. E a diversão? Você consegue segurá-la com você?!
E mesmo depois de tirar toda a maquiagem, as roupas caras… Sua personalidade se desmancha como seu cabelo na chuva?!

Difícil mesmo é conseguir ser alegre, extrovertido, simpático, bonito e fazer amigos numa ressaca… Sim, porque depois de uma grande festa, sempre vem a ressaca. E é aí que você se encontra de verdade. Se vê realmente no espelho com todas as preocupações e afazeres do dia-a-dia que te caracterizam.

As coisas começam a ficar monótonas. E é por isso que todos odeiam segundas-feiras. Acaba o encanto, a diversão, as risadas, a folga… E a realidade não é uma festa! A realidade é todos os outros dias da semana, do mês, do ano…
E esses mesmos amigos que beberam com você não te querem pra baixo, com pé no chão, te ouvindo reclamar.

É por isso que você deve se alegrar também em dias sóbrios, se orgulhar daqueles outros amigos que brigam com você, que te fazem chorar de raiva, em vez de rir-se à toa. Porque estes são os verdadeiros. Da realidade.

São para eles que você liga no meio da madrugada e pede conselhos. Chora. Desliga na cara deles e depois liga de novo pedindo desculpas. E são eles que te conhecem puro, sem jóias, sem rótulos.

Preocupe-se em fazer amigos assim. Porque pra festejar, todos os outros já são!

(Laís Tamie)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s